Como a Sombra que Passa – Antonio Muñoz Molina

Já se encontra editado em Portugal pela Editora Ponto de Fuga, o novo romance do Espanhol Antonio Muñoz Molina, o aclamado autor de O Inverno em Lisboa (1987).

Como a sombra que passa, o novo romance (Ponto de Fuga, 2018) finalista do Man Booker Prize,foi apresentado na feira do livro de Lisboa pelo próprio autor.

Partindo de um caso real, a passagem de James Earl Ray por Lisboa logo após o mesmo ter assassinado Martin Luther King, Antonio Muñoz Molina faz aqui um cruzamento de memórias em três andamentos distintos que se entrecruzam e completam.

Por um lado temos um James Earl Ray em fuga que passa dez dias na capital Portuguesa, por outro temos o jovem Molina em trânsito em Lisboa enquanto faz a pesquisa para o seu livro de 1987, O Inverno em Lisboa. Sobrepondo-se a estes dois pontos de vista, existe ainda o do escritor actual, um Antonio Muñoz Molina que navega num labirinto de memórias tendo sempre como fundo a cidade de Lisboa. Nesse aspecto, o romance chega quase a funcionar como uma declaração de amor à cidade que Molina elegeu como sendo também sua.

Sem dúvida que a originalidade de Molina continua a marcar pontos, e este Como a sombra que passa, é a prova viva disso mesmo.

Antonio Muñoz Molina já foi galardoado entre outros com os prémios Príncipe das Astúrias, Prémio Euskadi de Prata e Prêmio Nacional de Narrativa.

Com o romance Como a sombra que passa, foi finalista do Man Booker Prize.

António Góis

Junho de 2018

Deixe uma resposta